Máquinas Eléctricas  50  Resenha Histórica

 

O Posto de Transformação

      

Edifício de um posto de transformação e esquema de instalação eléctrica  (AEG, 1939)

Uma das vantagens da adopção da corrente alternada nos sistemas de energia eléctrica é que se torna possível alterar o valor da tensão com a utilização de transformadores. Devido à vantagem económica do transporte da energia eléctrica à distância em alta tensão, desde 1891 que se eleva o valor da tensão produzida pelo gerador para o nível da alta tensão e depois na zona de utilização se baixa o valor da tensão para o nível adoptado nos sistemas de utilização de energia eléctrica.

Existe, por isso, um ponto da instalação eléctrica, formando um local característico, onde está situado uma máquina eléctrica ­­ o transformador ­­ e a demais aparelhagem necessária para assegurar aquela alteração da tensão ­­ é o posto de transformação.

Devido à evolução dos sistemas eléctricos, ao aumento de potência e ao agrupamento des centros produtores, apenas subsistem os postos de transformação de baixa potência como abaixadores de tensão e localizados na vizinhança do consumidor de energia eléctrica.

No posto de transformação é o transformador a unidade essencial do posto, e devido a ser uma máquina eléctrica muito simples e estática, não tem grandes exigências de manutenção. No entanto, a restante aparelhagem utilizada, assim como a instalação na sua globalidade exigem cuidados que devem ser agrupados num esquema de manutenção preventiva.

A manutenção do posto de transformação torna-se mais fácil, e qualquer acção de exploração mais segura, se tiverem sido observados no seu projecto, conforme já se estipulava em 1920, alguns princípios construtivos gerais:

  • princípio da simetria ­­ deve-se impor o máximo de simetria possível, sem aumentar a complicação da instalação;
  • princípio da unidade ­­ redução dos diferentes tipos de material aplicado, e centralização (no mesmo local) dos aparelhos de comando e de controlo;
  • princípio do fluxo de energia ­­ a energia eléctrica deve percorrer a instalação do posto de transformação numa direcção (em linha recta) e num sentido determinado;
  • princípio da segurança ­­ todas as manobras de exploração ou de manutenção devem poder realizar-se sem perigo para o pessoal e para a restante aparelhagem;
  • princípio da manutenção ­­ a disposição do material no posto deve permitir a sua manutenção com o mínimo de dificuldades, de perigos ou de despesas, e
  • princípio da utilização racional ­­ deve-se evitar a aplicação de todo a máquina ou de todo o aparelho cujo interesse prático seja desproporcionado relativamente ao preço ou à complicação.
 © Manuel Vaz Guedes, 1998