homepage Recordar é Viver Museu do Resgate: memórias em formato vídeo

Museu do Resgate: memórias em formato vídeo

E se pudéssemos guardar para sempre memórias, testemunhos, vivências, hábitos e cenários arquitetónicos do Porto? Agora já é possível graças ao "Museu do Resgate". Trata-se de uma aplicação que tem por objetivo criar um arquivo de documentação participativa em vídeo do centro histórico do Porto e ao mesmo tempo, funcionar como um espaço privilegiado para a comunicação entre as pessoas, funcionando como registo vivo da história das gentes da cidade. É desta forma que a equipa apresenta este projeto. Para Daniel Brandão, estudante do Programa Doutoral em Media Digitais da FEUP, Helena Borges, designer de comunicação, e Diogo Oliveira, web designer, "o grande objetivo é estudar novas formas de comunicar num mundo cada vez mais interconectado e participativo e, depois de um primeiro ano de trabalho exploratório no programa Manobras no Porto, inserido na área da documentação audiovisual, decidimos avançar com um projeto de documentação participativa".

 

O projeto está a ser desenvolvido sob a orientação de Heitor Alvelos, professor do Departamento de Engenharia Eletrotécnica e de Computadores da FEUP, no contexto do Programa Doutoral em Media Digitais da FEUP, no âmbito do programa UT Austin-Portugal e do Grupo de Investigação ID+, na área do Design para a Cidade.

 

O projeto pretende aliar a componente social e de cidadania a uma vertente criativa, sendo um banco de vídeos alimentado pelas pessoas que visitam, trabalham e vivem no centro histórico. Os autores do projeto destacam que "a ideia recorre ao conceito de museu como uma metáfora e à ideia de resgate como uma ação. Pretendemos explorar um novo conceito de museu, um museu feito por todos, que aproveita o contexto atual dos media participativos, no qual cada vez mais vemos pessoas a usar ferramentas de criação e partilha online, para se expressarem, comunicarem e documentarem o seu dia a dia. Queremos estudar o que leva as pessoas a partilharem determinados conteúdos em plataformas como o Youtube e iremos procurar distinguir quais as melhores estratégias de comunicação tendo em conta os diferentes tipos de público-alvo de projetos desta natureza".

 

Um mês após o seu lançamento, o Museu do Resgate já conta com mais de uma centena de vídeos. Os passos para participar são muito simples: filmar, enviar e identificar os vídeos, que devem seguir através do wetransfer.com para o e-mail: Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar . Em seguida, os registos devem ser identificados, através do preenchimento do questionário em: http://tiny.cc/k8rzfw. A equipa está a construir um site, onde estará disponível um mapa com a localização geográfica, playlists organizadas por temáticas e outras ferramentas que vão ajudar na navegação pelo arquivo. Feitos com um telemóvel ou uma câmara de filmar, o único requisito é que o vídeo esteja em formato digital. Os utilizadores podem partilhar vídeos que já fizeram ou criar novos registos de acordo com os desafios lançados pelo Museu do Resgate, as Rusgas de vídeo a acontecer semanalmente em cada uma das freguesias do centro histórico.

 

Em outubro deste ano este projeto integrará a 5ª edição do festival FuturePlaces, evento que explora temas relacionadas com criatividade, media e cidadania.

 

Mais informações: https://www.facebook.com/museudoresgate

09/07/2012

Newsletter ADN

Subscrever

Sabia que...

A FEUP desenvolveu o primeiro carro elétrico de competição e...
A FEUP é a escola portuguesa com mais alumni no CERN
Registámos 2000 notícias na Imprensa em 2011
A FEUP regista 91% de empregabilidade
O VOIP da FEUP é usado pela Casa da Música e pela UNICER
A FEUP é a maior faculdade da Universidade do Porto
A primeira mulher engenheira em Portugal formou-se na FEUP
A super-bock sem álcool é um produto FEUP
Abril/Maio
D S T Q Q S S
01 02 03 04 05 06
07 08 09 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30

Para saber mais sobre tudo o que acontece na FEUP vá a www.fe.up.pt

Visite-nos nas redes sociais

FacebookLinkedinYoutube