Sobre o curso

SOBRE O CURSO

O que é a Engenharia Mecânica?

O/A engenheiro/a mecânico/a é um pouco de tudo, é o/a jogador/a de futebol que defende, ataca e marca golos. A engenharia mecânica abrange todas as áreas de engenharia permitindo ao engenheiro/a mecânico/a desempenhar qualquer função. É a chave do seu sucesso. Tem como pilares a matemática e a física para conceber, projetar e fabricar carros, motas, aviões, comboios, fábricas, sistemas energéticos, etc. É o motor da nossa sociedade.

O/As engenheiro/as mecânico/as projetam ou ajudam a projetar quase tudo, desde dispositivos médicos ou equipamentos desportivos a motores de automóveis, aviões ou centrais de produção de energia elétrica. A engenharia mecânica lida com tudo o que se move, desde logo o corpo humano; usa o conhecimento da física, matemática e materiais, e conceitos como força, energia e movimento para conceber e fabricar sistemas mecânicos que afetam praticamente todos os aspetos da nossa vida. Tem assim uma contribuição decisiva para fazer crescer a economia, aumentando a segurança, e contribuindo para o desenvolvimento dos indivíduos e das sociedades.

As oportunidades de carreira para engenheiros mecânicos são muito diversas e são encontradas em empresas, desde as grandes multinacionais até pequenas empresas locais, em serviços públicos ou em trabalho autónomo/consultoria.

A abrangência da engenharia mecânica permite aos estudantes uma grande variedade de opções de carreira, em que a formação contínua deve ter um lugar assegurado. Independentemente do caminho particular que cada um prossiga após a sua graduação, a sua formação proporciona-lhe as ferramentas e o pensamento criativo que permite projetar um produto ou sistema, o que leva a que as competências dos engenheiros mecânicos sejam de interesse mesmo em atividades que não são de engenharia, como seguros, banca e outras.

A quem se destina este mestrado?

A todos os licenciados que pretendam aprofundar o conhecimento e domínio de métodos e técnicas em áreas da Engenharia Mecânica, como:

construção e manutenção de equi­pamentos; produção e gestão de energia; planeamento e gestão da produção; automação; novos materiais e novos processos tecnológicos; e desenvolvimento de novos produtos.

Durante o Mestrado fomenta-se a:

Aquisição de experiência na utilização de meios informáticos nas áreas da Engenharia Mecânica, bem como de competências em computação científica, bases de dados e gestão, CAD/CAM/CAE e aplicações informáticas para automação;

Aquisição de competências para que, ao longo da vida: saibam utilizar o seu conhecimento técnico-científico na resolução de pro­blemas; possam reconhecer a necessidade da experimentação e sejam capazes de projetar, realizar e interpretar resultados; possam comunicar e interagir com diferentes audiências e através de diversos meios de comunicação; sejam capazes de participar em equipas mul­tidisciplinares, com integridade pessoal e ética profissional; possam desenvolver a sua formação.

+ Info

OBJECTIVOS GERAIS

O 2º ciclo de estudos em Engenharia Mecânica (M.EM) tem por objetivos:

  • Rejuvenescer e modernizar a formação ministrada aos futuros Engenheiros Mecânicos, incrementando significativamente a densidade técnica e científica das especializações;
  • Ir ao encontro das necessidades da indústria, quer nas áreas tecnológicas emergentes da mecânica quer nas áreas com forte investigação no DEMec, acompanhando a instalação no norte de Portugal de muitos centros de desenvolvimento e unidades produtivas de várias empresas nacionais e internacionais;
  • Marcar uma clara diferenciação e valorização do ciclo de estudos em relação ao Ensino Politécnico congénere, em particular através da dimen­são técnico-científica das especializações;
  • Transferir para as especializações a excelência científica do DEMec (e da FEUP), nomeadamente dos seus recursos humanos, computacionais e experimentais.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Pretende formar Engenheiros/as Mecânico/as capazes de:

  • Utilizar a competência técnica e conhecimentos na resolução de uma grande variedade de problemas, de uma forma integrada e inteligente;
  • Reconhecer a necessidade da experimentação e serem capazes de projetar, realizar e interpretar os resultados de um programa experimental;
  • Comunicar de um modo eficiente o conteúdo e a importância do seu trabalho a uma grande variedade de audiências e através de diversos meios de comunicação;
  • Participar em equipas multidisciplinares, com elevado grau de integridade pessoal e ética profissional;
  • Continuar a sua formação.
  • Espera-se o/as Engenheiros/as Mecânico/as intervenham num vasto conjunto de atividades, tais como:
  • Construção de equipamentos mecânicos e térmicos (veículos automóveis e ferroviários, máquinas-ferramenta, estruturas metálicas, caldeiras, permutadores de calor…);
  • Produção de energia (energia térmica, energia eólica, novas energias, climatização, qualidade do ar interior…);
  • Planeamento e de gestão da produção (logística, transportes, manutenção industrial, gestão de recursos humanos, gestão da qualidade…);
  • Automação industrial (automatização de linhas de produção, robótica, sistemas de controlo…);
  • Desenvolvimento e aplicação de novos materiais (materiais cerâmicos, compósitos, poliméricos, bio-materiais…);
  • Projeto e desenvolvimento de novos produtos (design integrado, ergonomia, sustentabilidade, …);
  • Gestão de manutenção e reparação automóvel;
  • Criação de novas empresas de índole tecnológica;
  • Avaliação de projetos e consultadoria;

ACREDITAÇÕES

O ciclo de estudo encontra-se acreditado pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES).

DIPLOMA

O Mestrado em Engenharia Mecânica…

– Info
Cooperação com Empresas

ESPECIALIZAÇÕES

Projeto de Máquinas

Estruturas Aeronáuticas e de Veículos
Fluidos e Energia
Automação
Materiais e Processos Tecnológicos
Engenharia e Gestão da Produção
Engenharia Mecânica – Geral
Plano de estudos completo
Cooperação com Empresas

5 razões para escolher
o MEM da FEUP

Cooperação com Empresas

Empregabilidade elevada e integração no mercado de trabalho promovida pela cooperação com o  mundo empresarial.

Cooperação com Empresas

Acesso a recursos de grande qualidade, em termos de instalações físicas, equipamentos laboratoriais e
software.

Cooperação com Empresas

Possibilidade de mobilidade em universidades internacionais reconhecidas, em particular na Europa e no Brasil.

Cooperação com Empresas

Aquisição de uma formação diversificada, potenciadora de uma fácil adaptação a novos desafios e mudanças, criando profissionais catalisadores de inovação nas empresas.

Cooperação com Empresas

Formação numa escola de engenharia de elite, o que permite a aquisição de competências e atitudes muito apreciados em contextos profissionais, potenciando carreiras profissionais ou académicas de sucesso.

Vídeos

Cooperação com Empresas

ACORDOS DE MOBILIDADE

As parcerias para programas de mobilidade ERASMUS (universidades europeias) e MOBILE (universidades brasileiras) ou ao abrigo de acordos bilaterais são realizadas com instituições de elevada qualidade, nas várias regiões do globo.

Todos os Acordos
Cooperação com Empresas

Cooperação com Empresas

Mais de um terço das dissertações de final de curso são realizadas em ambiente empresarial, sendo esta uma das grandes mais-valias desta formação. As empresas acolhem os estudantes por um período para desenvolvimento de um tema com garantia de qualidade científica que dará origem a uma Dissertação para a obtenção do grau de Mestre

As empresas em que os estudantes realizaram as dissertações nos últimos anos incluem:

Cooperação com Empresas

Núcleos e associações

IACES

Dia 21 de Novembro de 2016 o NEEM FEUP (NEEMFEUP-Núcleo Académico de Estudantes de Engenharia Mecânica da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto) foi formado por um grupo de estudantes do Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica (MIEM) e tem como principal objetivo apoiar o percurso académico de toda a comunidade estudantil, desde o domínio pedagógico até a sua vertente mais lúdica. Pretende ser também o elemento de ligação entre os estudantes e o tecido empresarial.

Atualmente, o NEEM FEUP é constituído por aproximadamente 70 estudantes, assegurando uma representatividade de cada ano, que trabalham diariamente em prol dos cerca de 1100 estudantes do MIEM, sempre com a estreita colaboração da Direção do MIEM e do Departamento de Engenharia Mecânica da FEUP.

Desta forma, o NEEM FEUP identifica-se como uma associação que pretende representar os estudantes do MIEM e marcar a diferença através do seu crescimento mas também renovação a cada mandato.

Empregabilidade

Os dados seguintes baseiam-se no inquérito à Empregabilidade FEUP 2020 e dizem respeito aos graduados do MIEM em 2018/2019, tendo respondido ao inquérito 60% de um total de 117 graduados.

Os estudantes encontram o primeiro emprego
47% ANTES DO FIM DO CURSO
82% ATÉ 3 MESES
PÓS-TERMINO DO CURSO

Relação da função com o curso

57% TOTALMENTE RELACIONADA
29% PARCIALMENTE RELACIONADA

Localização do primeiro emprego

90% PORTUGAL
10% ESTRANGEIRO

Saídas Profissionais

A FEUP tem por missão a “Educação e formação de profissionais de Engenharia de nível internacional, sustentadas em Investigação e Desenvolvimento de excelência com foco regional mas com qualidade reconhecida ao nível global e numa prática de extensão de reconhecida qualidade, contemplando as vertentes científica, técnica, ética e cultural”. O Mestrado em Engenharia Mecânica (MEM) revê-se completamente nesta missão, ao fornecer uma formação avançada em Engenharia Mecânica capacitando os seus graduados para enveredar por carreiras profissionais em termos nacionais e internacionais. Para isso, confere aos seus estudantes competências variadas, técnicas e pessoais, de importância reconhecida no mundo empresarial.

As principais saídas profissionais de um/a Mestre em Engenharia Mecânica são:

  • Construção de equipamentos mecânicos e térmicos (veículos automóveis e ferroviários, máquinas-ferramenta, estruturas metálicas, caldeiras, permutadores de calor…);
  • Produção de energia (energia térmica, energia eólica, novas energias, climatização, qualidade do ar interior…);
  • Planeamento e de gestão da produção (logística, transportes, manutenção industrial, gestão de recursos humanos, gestão da qualidade…);
  • Automação industrial (automatização de linhas de produção, robótica, sistemas de controlo…);
  • Desenvolvimento e aplicação de novos materiais (materiais cerâmicos, compósitos, poliméricos, bio-materiais…);
  • Projeto e desenvolvimento de novos produtos (design integrado, ergonomia, sustentabilidade, …);
  • Gestão de manutenção e reparação automóvel;
  • Criação de novas empresas de índole tecnológica;
  • Avaliação de projetos e consultadoria;
Cooperação com Empresas

TESTEMUNHOS

Johanna Johnsson
Estudante Erasmus
FEUP is one of the best engineering schools in Portugal, it is pretty close to the center and we have had a lot of practical classes which is fun.
TIAGO LEÇA
ALUMNUS, L.+M
"Os professores são carismáticos, prestáveis e conciliam cada vez mais a parte teórica com a parte prática para nos mostrar exemplos reais daquilo que aprendemos..."
HENRIQUE CALONI D’ALOIA
ESTUDANTE
A FEUP, desta forma, além de um ensino de ótima qualidade, permite o crescimento de nosso conhecimento não somente em termos acadêmicos, mas também sociais...
CAROLINA OLIVEIRA
ESTUDANTE
A diversidade de atividades e organizações ao alcance dos estudantes, desde equipas desportivas a grupos de tradições académicas, permite que todos encontrem algo...
JOSÉ LUIS VILA-CHÃ
ESTUDANTE
"Fora do contexto de sala de aula, encontrei na FEUP uma oferta ímpar de oportunidades de desenvolvimento e enriquecimento pessoal. Desde associações e núcleos..."
Cooperação com Empresas

CANDIDATURAS

TAXA DE CANDIDATURA
55€

LÍNGUA
Inglês

PERÍODO LETIVO
Setembro – Junho

PROPINAS
Consulte aqui os valores

DURAÇÃO
2 anos (2º ciclo)

CANDIDATURAS
Aguarda informação para 23/24

REGIME
Diurno

Candidatura online

bolsas e incentivos

Tem questões sobre bolsas e incentivos? Consulte esta página.

Cooperação com Empresas

CONTACTOS

Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto
Departamento de Engenharia Mecânica
Rua Dr. Roberto Frias, s/n
4200-465 Porto

Secretariado do MEM
+351 22 508 1642 ou +351 22 508 1571
m.em@fe.up.pt

Cooperação com Empresas

Direção e Comissão Científica

LUCAS SILVA
DIRETOR
PRESIDENTE DA COMISSÃO CIENTIFICA

ANTÓNIO MENDES LOPES
DIRETOR ADJUNTO
COMISSÃO CIENTÍFICA

Armando Oliveira

ARMANDO OLIVEIRA
COMISSÃO CIENTÍFICA

PEDRO CAMANHO
COMISSÃO CIENTÍFICA