Desenvolvimento e Implementação de ferramentas de cálculo estrutural e a sua compatibilização com metodologias BIM

Da wiki WIQI GEQUALTEC
Ir para: navegação, pesquisa

Texto Integral PDF

Tese de mestrado integrado de Rui Antunes, 2017

Orientada por João Poças Martins, Coorientadada por Fernando Marques

Resumo

A necessidade de inovação, de melhoria da produtividade e da gestão dos processos da indústria da construção levou ao aparecimento do BIM – “Building Information Modeling”. Embora a sua implementação na fase de projeto tenha tido um desenvolvimento notável nos últimos anos ainda subsistem alguns entraves à utilização completa e eficiente de todas as suas potencialidades. Em particular, a interoperabilidade entre programas de cálculo estrutural e programas de BIM tem ainda algumas limitações importantes que importa melhorar.

Na presente dissertação pretende-se, usando uma aplicação informática BIM, um programa de cálculo estrutural existentes no mercados e ferramentas de cálculo a desenvolver durante a elaboração da tese, avaliar as limitações destas metodologias e desenvolver e validar soluções que permitam melhorar ou mesmo resolver estas limitações.

Recorrendo à possibilidade de utilização de padrões abertos (“open standard”) existentes em programas comerciais tais como o Revit, o Robot da Autodesk e o Excel, pretende-se criar algoritmos e correspondentes rotinas que permitam facilitar a utilização destes programas e minimizar os tempos de introdução de dados, do cálculo e da modelação tendo como objetivo uma melhoria da eficiência na execução de projeto.

Entender a interoperabilidade entre o Revit e o Robot no que ao cálculo estrutural diz respeito. Entender de que modo pode ser utilizado um modelo Revit para o cálculo estrutural que apenas um programa como o Robot consegue.

Explorar as potencialidades do trabalho em cooperação recorrendo a ferramentas existentes. Avaliar de que modo dois, ou mais, intervenientes podem utilizar o mesmo modelo, e todas as vantagens daí retiradas.

Palavras Chave

BIM, Revit, Robot, A360, Interoperabilidade, Projeto Estrutural, AEC, plugin.

Abstract

The need for innovation, productivity improvement and process management in the construction industry led to the beginning of BIM - Building Information Modeling. Although its implementation in the design phase has had a notable development in recent years, there are still some obstacles to the full and efficient use of all its potential. The interoperability between structural calculation programs and BIM programs still has some important limitations that need to be improved.

In this dissertation, it’s intended to use a computer software BIM, a structural calculation program in the market and calculation tools to be developed during the elaboration of the thesis, to evaluate the limitations of these methodologies and to develop and validate solutions to improve, or even solve these limitations.

Using open standards in commercial programs such as Revit, Autodesk Robot and Excel, it’s intended to create algorithms and corresponding routines that allow to facilitate the use of these programs and minimize the times Data entry, calculation and modeling, with the aim of improving the efficiency of project implementation.

Understand the communication between Revit and Robot in terms of structural analysis. Realize in which way a Revit Model can be used for the structural analysis that only a software like Robot can achieve.

Explore the potentialities of working in cooperation using tools in the market. Evaluate how two, or more, stakeholders can use the same model, and all the advantages that that kind of work can bring.

Keywords

BIM, Revit, Robot, A360, Interoperability, Structural Project, AEC, plugin.