Controlo da qualidade em obra com base em sistema BIM

Da wiki WIQI GEQUALTEC
Revisão em 15h12min de 25 de julho de 2017 por JPPM (discussão | contribs) (Criou a página com "Tese de mestrado integrado de António Pinto, 2017 Orientada por Rui Manuel Gonçalves Calejo Rodrigues, Coorientadada por João Pedro da Silv...")
(dif) ← Revisão anterior | Revisão atual (dif) | Revisão seguinte → (dif)
Ir para: navegação, pesquisa

Tese de mestrado integrado de António Pinto, 2017

Orientada por Rui Manuel Gonçalves Calejo Rodrigues, Coorientadada por João Poças Martins

Resumo

No decorrer dos tempos, o sector da construção tem vindo a fundir-se com as novas tecnologias de informação, sendo elas mais práticas e de grande facilidade na modelação, acabando por contribuir para o aumento da Qualidade de um projeto. Porém, a fiscalização é necessária para que tudo isso se possa concretizar, sem que haja o risco de prejuízos, tanto a nível de prazos, financeiros como sociais. Esta dissertação pretende assim, adaptar as novas tecnologias de informação à fiscalização, de maneira a poder ser mais transparente e rápido todo o processo do Controlo da Qualidade. Para isso, recorre-se à metodologia BIM – Building Information Modeling – onde através do Revit® e Dynamo, desenvolve- se parâmetros de Controlo da Qualidade, de modo a que essa informação seja exportada de uma forma semiautomática, como um output, para outro software, neste caso, o Microsoft Excel.

Para este trabalho escolheram-se vãos exteriores, como elemento construtivo. Proceder-se-á à criação de uma Ficha de Controlo de Conformidade (FCC) através do Excel, que seja universal, para que, feita a exportação da informação do modelo para o ficheiro em Excel, seja possível automatizar o preenchimento da FCC, retirando ao fiscal, o trabalho de criar fichas, uma a uma, para cada elemento construtivo na obra. Utilizar-se-á um dispositivo móvel (tablet) para preenchimento da ficha na obra.

Palavras Chave

BIM, Controlo da Qualidade, Revit®, Dynamo, Vãos exteriores.

Abstract

In the course of time, the Construction sector has been merging with the new information technologies, being more practical and of great facility in modeling, contributing for the increase of a project’s Quality. But, the Quality control is necessary, so that all this can be accomplished, without the risk of loss, both in terms of deadlines, financial and social.

This dissertation aims, to adapt new information technologies to Quality control, to give more openness and fast in is process. For that, the methodology of BIM (Building Information Modeling) is applied, where through Revit® and, more exactly, Dynamo, Quality control parameters are developed, so that the information is exported, in a semi-automatic way, like an output, to another software, which in this case, Microsoft Excel.

For this paperwork, the exterior spans are chosen has the constructive element. The establishment of a Conformity control sheet (FCC) shall be set up, through Excel, universal, so that, made the model information exportation to the Excel, will be possible to automate the FCC’s fill, removing the work of creating sheets, one to one, for which constructive element in site. A mobile device (tablet) will be use to fill the sheet in site.

Keywords

BIM, Quality Control, Revit, Dynamo, Exterior spans.